Lauro de Freitas aplica dose de reforço em pessoas com 28 anos ou mais nesta quarta-feira (29); confira outros públicos

A aplicação de 1ª, 2ª e 3ª doses da vacina Pfizer continua nesta quarta-feira (29) no município de Lauro de Freitas, com atendimento nos pontos de drive-thru e Unidades de Saúde da Família (USF) das 8h às 12h. Para vacinar é necessário levar documento com foto e cartão de vacinação.

A 1ª dose estará disponível para pessoas com 12 anos ou mais, além de 1ª ou 2ª dose para gestantes e puérperas. Já a 2ª dose é para pessoas com prazo de retorno até 31 de dezembro e a 3ª dose para pessoas com 28 anos ou mais, com 4 meses após a 2ª dose, além de imunossuprimidos e profissionais de saúde.

A vacinação estará disponível na quadra da Escola 2 de Julho; Ginásio de Esportes do Aracuí; USFs Irmã Dulce (Portão), Vila Nova (Portão), Vida Nova (Caji), Tarumã e São Judas Tadeu (Itinga), Manoel José Pereira (Capelão), Pe. João Abel (Jambeiro) e Antônio Carlos Rodrigues (Areia Branca).

Dose de esperança

Em 0,3 ml da vacina contra a Covid-19, estão depositadas todas as esperanças da dona de casa Janete Santos. Ela é mãe do adolescente Pedro Silva, 13 anos, que tomou a 2ª dose na manhã desta terça-feira (28) na Unidade de Saúde São Judas Tadeu, na Itinga, reforçando o esquema de proteção contra casos agravados da doença. Para ela, a vacina representa uma vitória conquistada em 2021 e uma expectativa positiva de dias melhores para o ano que vem. “Tenho fé que tudo vai passar”, disse.

O garoto, torcedor do Bahia, não vê a hora de acessar os estádios novamente com segurança. Com otimismo, inerente à idade, ele declarou que ainda não voltou a assistir às partidas ao vivo, uma das coisas que mais gosta de fazer, e que a família suspendeu temporariamente por precaução. “Agora com a 2ª dose a expectativa é de que eu e minha família possamos voltar a fazer isso, que é algo que amamos demais”, falou Pedro.

Já no drive do Colégio Dois de Julho, na Itinga, flagrantes de emoção marcaram a manhã. Se por um lado os primos adolescentes Tainá Medeiros e William Silva, ambos com 14 anos, foram tomar a 2ª dose e comemoram juntos, por outro lado, a idosa Eulália Lisboa, 70 anos, foi tomar a 3ª dose acompanhada do Neto, Tiago Lisboa, 14 anos, que recebeu a 1ª dose. As histórias se confundem no apoio da família e na esperança para um ano novo cheio de realizações e finalmente livre da Covid-19.

*Ascom